SERMÕES EM PORTUGUÊS - Edição Imprensa Metodista, 52 sermões SERMÕES EM PORTUGUÊS - Edição Editeo, 141 sermões SERMÕES EM INGLÊS - Edição Jackson, 141 sermões Busca A- A A+ sim não

INFORMAÇÔES E DICAS EM RELAÇÃO A ESTA EDIÇÃO ELETRÔNICA DOS SERMÔES EM PORTUGUÊS e INGLÊS

Unimos em seguida algumas dicas e informações sobre o uso do menu em relação às três versões dos sermões.

1. Opção “Fonte”
A diagramação dos sermões permite a mudança do tamanho da fonte. Veja na barra acima o botão “Fonte (sim / não)”.
 

2. Menu dos sermões
A janela do menu pode ser minimizada.

Os 141 sermões dessa edição eletrônica mantêm a numeração da Edição Jackson de 1831. Os títulos em português dos sermões 1 à 52 seguem a Edição Imprensa Metodista, os títulos em português dos sermões 53 à 141 a Edição Editeo.

Integramos nesse menu dos sermões também a informação introdutória e as introduções de W. P. Harrison e de John Wesley (Introdução geral, e introdução de cada dos dois volumes).

Para os/as pesquisadores/as incluímos no menu mais três informações importantes:

  • A partir do sermão 109 a numeração da Edição Jackson não é sempre idêntica à numeração da Edição Outler, a edição crítica dos sermões. Neste caso, acrescemos no menu uma informação sobre a contagem diferente (por exemplo, no caso do sermão 109: (EO, n. 116) =  na Edição Outler aparece como sermão número 116.)
  • Sermão 134 e 140: Em alguns casos Jackson acresceu títulos aos sermões que Wesley tinha publicado sem títulos. Em dois casos isso resultou numa diferença entre os títulos usados pela Edição Jackson e pela Edição Outler. Nestes casos acrescemos também o respectivo título da Edição Outler (Veja, o sermão 134 (ou EO, n. 150): Jackson lê “Defesa do Cristianismo Verdadeiro”, Outler “A Hipocrisia em Oxford”).
  • Sermões 129, 137, 140 e 141: Quando Jackson editou os 141 sermões ele não sabia que 4 deles não eram da autoria de John Wesley. Nestes casos nos acrescemos no menu (“EO, sem número” e o nome do autor).

A numeração completa da Edição Outler e mais informações sobre as edições em português veja o artigo de José Carlos de Souza. As várias edições dos sermões de John Wesley. Caminhando, Ano IX, nº 14 — 2º semestre de 2004, p. 119-128.
Sermões 21 à 33: Veja a introdução de Rui de Souza Josgrilberg. As pregações de Wesley sobre o Sermão do Monte. Caminhando, ano IX, nº 14 — 2º semestre de 2004, p. 43-55.
 

3. Troca de edições durante a pesquisa
Mesmo durante a leitura iniciada há a possibilidade de mudar a edição ou abrir outras edições. A diagramação especial desse CD permite que as passagens paralelas apareçam sempre lado ao lado.
 

4. Sobre as três edições

4.1 Questões gerais
Paginação: Para facilitar citações, as paginações tanto da Edição Jackson como da Edição Imprensa Metodista impressa são mantidas. Observe-se que a paginação da Edição Imprensa Metodista se refere a dois volumes diferentes. (Sermões 1-26: volume 1, p. 11-564; Sermões 27-52: volume 2, p. 11-540). Na edição eletrônica estas paginações podem ser escondidas ou ativadas. Veja o botão “Páginas” com as opções “sim / não” na barra acima.

Linguagem inclusiva: A fidelidade das duas traduções ao texto original, significa a ausência de uma linguagem inclusiva, por exemplo, usa-se “homens” em vez de “seres humanos”. A escolha de manter esta linguagem representa, então, nem um descuidado, nem uma aprovação. Os limites do passado não devem ser escondidos, mas possam ser superados no presente.

Comentários: Ao lado das roda-pés da Edição Imprensa Metodista incluímos nas duas traduções poucos comentários adicionais para completar informações bibliográficas do próprio texto, para acrescer notas que constam na edição inglesa, mas não nas traduções ao português ou para identificar decisões dos tradutores, por exemplo no caso da escolha de uma tradução bíblica não padrão. Estes acréscimos identificamos com a sigla “CEW” (Centro de Estudos Wesleyanos).

4.2 Edição Imprensa Metodista
A Igreja Metodista publicou, em 1953 e 1954, cinqüenta e dois sermões de John Wesley em dois volumesJohn WESLEY. Sermões de John Wesley, 2 volumes. Tradutor: Nicodemos Nunes. São Bernardo do Campo, SP: Imprensa Metodista [Departamento Editorial Av. Senador Vergueiro, 1.301], 1981 / 985 [ 2ª / 3ª edição].. Eles incluíam introduções, esboços e perguntas elaborados pelo reverendo William P. HarrisonThe Wesleyan standards sermons. By the Rev. John Wesley, A.M., sometime Fellow of Lincoln College, Oxford. A new and revised edition, with introductory notes, analyses, and questions / adapted to the use of students by Rev. W.P. Harrison, 2 volumes. Nashville, TN / Dallas, TX: Pub. House of the M.E. Church, South, Lamar and Barton, agents, 1923-1924 [2ª edição; 1ª edição: 1913]. e traduzido por Nicodemos Nunes. Até hoje, este texto tem sido considerado a tradução padrão em português. As introduções gerais de W. P. Harrison integramos no menu dos nomes dos sermões, e as introduções e os questionários de cada um dos 52 sermões são integrados no texto dos próprios sermões e encontram-se sempre abaixo dos títulos.

Reproduzimos os sermões da Edição Imprensa Metodista, na base da sua 2ª e 3ª edição, de 1981 e 1985, com pequenas mudanças e correções: as citações bíblicas, por exemplo, seguem agora o atual padrão da Sociedade Bíblica do Brasil.

A edição de 1953/1954 tinha dois tipos de roda-pés, os da edição de 1771, do próprio John Wesley ou do editor Jackson, e os do tradutor Nicodemos Nunes, designados na tradução em português por “N. do T.” (Nota do tradutor). Reproduzimos estas notas e acrescemos ainda “JW” (John Wesley) depois de cada nota da edição de 1831.

Anota-se que o sermão 52 da Edição Imprensa Metodista é incompleta (ele termina com o parágrafo V.4 em vez de com o parágrafo V.7). As razões pela corte não são conhecidas.

A paginação da Edição Imprensa Metodista repete-se porque ela é de dois volumes. (Sermões 1-26: volume 1, p. 11-564; Sermões 27-52: volume 2, p. 11-540).

4.3 Edição Editeo
A revisão da tradução feita por Izilda Peixoto Bella se baseia na própria Edição Jackson, na Edição OutlerJohn WESLEY. The Bicentennial Edition of Works of John Wesley. Volumes 1-4. 1975-1983: Frank Baker (editor geral); 1984ss, Richard P. Heitzenrater (editor geral) e Frank Baker (editor textual). Oxford: Clarendon Press & Nashville, TN: Abingdon Press, 1975 – 1983. e, em alguns casos, na Edição GonzálezJuan WESLEY. Obras de Juan Wesley. Vol. 1 à 3. Editor Geral: Justo L. GONZÁLEZ. Franklin, TN: Providence House Publishers, 1994 – 1998.. Nos seguintes sermões foram somente atualizadas as citações bíblicas: 39, 40, 42, 43, 49, 50, 73, 133, 134, 137 à 141.

Escolha da tradução do texto bíblico: Em geral, baseamo-nos no texto da Bíblia Sagrada, traduzida por João Ferreira de Almeida revista (1953). Em alguns raros casos optamos para a Bíblia Sagrada, traduzida por João Ferreira de Almeida revista e atualizada (1953; 1993). Mais raro ainda são traduções “próprias”, que documentam as variações entre a tradução de John Wesley e a tradução oficial da sua época, a versão King James. Nos últimos dois casos, indicamos a diferença numa roda-pé.

Uma comparação com a tradução feita por Izilda Peixoto Bella revela as seguintes maiores intervenções:

  • Mantemos as introduções acrescidas por ela.As notas acrescidas por ela são traduções de uma edição inglesa dos primeiros 44 sermões. John WESLEY. Standard Sermons. Edward H. Sudgen (editor). London: Epworth Press, 1961-1964. [5ª edição; 1ª edição: 1921].
  • Mantemos todas as partes consideradas e marcadas pela tradutora como citações, apesar de que o texto inglês usa este recurso muito menos.
  • Mudamos, em alguns casos, os títulos propostos por ela.
  • Wesley cita, às vezes, somente partes de versículos bíblicos. Tiramos todas as partes acrescidas pela tradutora na intenção de completar o texto bíblico e mantemos o caráter original;
  • Completamos partes que faltaram na sua tradução, por exemplo, alguns dos textos em latim, algumas das poesias do inglês e frases e parágrafos não traduzidos;
  • Revertemos ou incluímos negações onde eles constam no texto inglês;
  • Incluímos os termos teológicos já estabelecidos, por exemplo, substituímos “obras devocionais” ou, às vezes, “obras do pietismo” por “obras de piedade” [works of piety]; “retidão” por “justiça” [justice] ou “ateus” por “pagãos” [pagans] e mantemos a forma como Wesley se referia aos apóstolos e aos pais da igreja.

4.4  Edição Jackson
O texto inglês dos sermões da Jackson Edition de 1831 é de domínio público. Ele pode ser encontrado na Internet na página da Christian Classics Ethereal Library at Calvin College.

A paginação da Edição Jackson indica somente a página anterior. "- 16 -" signifca: "aqui termina a página 16, segue a página 17".

Há quatro tipos de roda-pés na Edição Jackson: comentários do próprio John Wesley (JW), do editor Jackson (edit.), de Adam Clark (Adam Clark) e dos editores deste CD (CEW).

Helmut Renders, pela equipe editorial.